domingo, 22 de março de 2015

C. Daire - JS - "Empreendedorismo e Startups" - Formação e debate

Fernando Carneiro, presidente da câmara de Castro Daire, recebeu a iniciativa da JS Distrital, presidida por Rafael Guimarães, em articulação com a Concelhia de Castro Daire, presidida Diogo Carvalho. Foi uma formação-debate sobre "Empreendedorismo e Startups"
Fernando Carneiro abriu os trabalhos numa mesa coordenada por Diogo Carvalho e os oradores convidados, todos da JS e já empresários, foram Tiago Barbosa Ribeiro, também presidente da Concelhia do PS Porto, Pedro Coelho, de Viseu, e André Matias, de S. Pedro do Sul. Desde o conceito de startup, passando pelo processo administrativo de criação, até à parte fiscal e mercado, tudo foi objeto de intervenção inicial e, depois, de animado debate.  A JS está de parabéns por mais uma realização de elevada qualidade.

Nota informativa: 
"Uma companhia start-up ou startup é uma empresa com um histórico operacional limitado. Essas empresas, geralmente recém-criadas, estão em fase de desenvolvimento e pesquisa de mercados. O termo se tornou popular internacionalmente durante a bolha da internet, quando um grande número de empresas ponto com foram fundadas.
Uma startup é uma empresa nova, até mesmo embrionária ou ainda em fase de constituição, que conta com projetos promissores, ligados à pesquisa, investigação e desenvolvimento de ideias inovadoras. Por ser jovem e estar implantando uma ideia no mercado, outra característica dela é possuir risco envolvido no negócio. Mas, apesar disso, são empreendimentos com baixos custos iniciais e são altamente escaláveis, ou seja, possuem uma expectativa de crescimento muito grande quando dão certo. 
Algumas empresas já solidificadas no mercado e líderes em seus segmentos, como o Google, a Yahoo! e o Ebay, também são consideradas startups.
Essas empresas, normalmente de base tecnológica, possuem espírito empreendedor e uma constante busca por um modelo de negócio inovador. Este modelo de negócios é a maneira como a startup gera valor – ou seja, como transforma seu trabalho em dinheiro. 
Um exemplo é o modelo de negócios do Google que se baseia em cobrar por cada click nos anúncios mostrados nos resultados de busca. 
Outro exemplo seria o modelo de negócio de franquias: o franqueado paga royalties por uma marca, mas tem acesso a uma receita de sucesso com suporte do franquiador – e por isso aumenta suas chances de gerar lucro. 
Empresas que criam modelos de negócio altamente escaláveis, a baixos custos e a partir de ideias inovadoras são empresas startups. Startups não são somente empresas de internet. Elas só são mais frequentes na internet porque é bem mais barato criar uma empresa de software do que uma indústria."








Sem comentários:

Publicar um comentário