segunda-feira, 19 de janeiro de 2015

Costa acusa Passos de não prestar atenção às novas regras do PEC

O secretário-geral do PS, António Costa, defende que o primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, não deu a "devida atenção" às novas regras da CE, que dão mais flexibilidade ao Pacto de Estabilidade e Crescimento. 
Em entrevista à SIC Notícias, Costa argumentou que as novas regras que têm em conta o ciclo económico na hora de avaliar o cumprimento das metas orçamentais "beneficiam todos os países". 
Ou seja, o líder do PS considera que as novas regras que têm em conta a situação da economia são aplicáveis tanto aos Estados-membros com défice abaixo de 3% como aqueles que, como Portugal, estão em Procedimento por Défices Excessivos.

Sem comentários:

Publicar um comentário