quarta-feira, 31 de julho de 2013

Artur Santos Silva - Aplica-se a este governo o princípio de Deng Xiaoping, um país, dois sistemas

Novo governo Corrige-se o erro por excesso, aumentando o número de ministros e de SE, sendo já maior que o governo a que sucedeu; onde vai já o governo enxuto e poupadinho prometido por Passos Coelho na campanha eleitoral. As "famílias" sentem-se mais uma vez enganadas.

Aplica-se a este governo o princípio de Deng Xiaoping, um país, dois sistemas. Há um governo comandado pelo PM, polarizado pelas Finanças e pelo cumprimento do programa, e há um segundo sistema, liderado por Portas, do governo da economia.


É muito preocupante ver alguns percursos, de degradação das funções públicas e das exigências curriculares (dando o exemplo de um antigo jornalista da secção política de um diário [Francisco Almeida Leite] que, de assessor do PM, passando por um instituto público, chegou a SE da Cooperação, cargo que ocupou durante 3 meses para ser agora substituído).

Sem comentários:

Publicar um comentário