domingo, 25 de março de 2012

PS - CONCELHIA DE VISEU - LÚCIA SILVA CANDIDATA-SE E FAZ BALANÇO DE MANDATO

Balanço 2010 –– 2012 - Viseu 24 de fevereiro de 2012
No momento em que se avaliam os últimos 2 anos de trabalho da atual Comissão Política Concelhia de Viseu do Partido Socialista podemos afirmar que os principais pressupostos de candidatura lançados há 2 anos atrás foram cumpridos.
A nossa ação centrou-se, sobretudo, em honrar o Partido Socialista e a sua história, reforçando e afirmando o Partido no nosso concelho.
I. Apresentação de cumprimentos
 - Poder Central: Governador Civil; • - Poder Local: C.M. de Viseu; • - Ao nível eclesiástico: Bispo de Viseu; • - Ao nível cultural: Teatro Viriato.
• - AIRV .A cada uma destas entidade apresentámos cumprimentos e manifestámos as nossas principais preocupações.
No mês de janeiro de 2012 voltámos a reunir com o Sr. Bispo de Viseu no sentido de lhe demonstrarmos a nossa preocupação com a grave situação económico-social que é sentida, cada vez mais, por um crescente número de famílias do nosso concelho.
II. II. Mantivemos o PS ativo, em contacto e disponível para TODOS os militantes do concelho.
Fizemos o acompanhamento e a comunicação permanente com os militantes que foram candidatos às últimas eleições autárquicas de 2009.
A Concelhia do PS esteve nas freguesias e sempre em contacto com a sua comunidade, recebeu os autarcas nos mais diversos momentos, promovendo nomeadamente espaços de debate e de formação autárquica para ajudar os representantes locais a desempenharem as suas funções da melhor forma possível.
1Algum do trabalho político realizado
a. a) Reunião geral com as freguesias;
a. b) Ações de Formação Autárquica;
a. c) Ouvimos instituições locais, nomeadamente os Bombeiros Municipais e a Polícia Municipal solicitando junto do Sr. Presidente da Câmara explicações sobre a situação financeira dos Bombeiros Municipais;
a. d) Relativamente à reorganização administrativa promovemos sessões de debate e esclarecimento, fizemos o ponto de situação com todas as freguesias e temos mantido os representantes do PS nas assembleias de freguesia a par da informação emanada do Grupo de Trabalho criado na Assembleia Municipal;
a. e) Visitámos a Feira Semanal e reunimos com o representante dos feirantes a fim de percebermos os problemas e as dificuldades com que os mesmos se deparam aquando na realização da feira semanal;
a. f) Visitámos a EN229, juntamente com os deputados do PS e Presidente da Junta de Freguesia de S. Pedro de France e Sátão constatando os problemas identificados após a requalificação desta;
a. g) Reunimos com a então Administração do Hospital S. Teotónio e registámos com agrado o investimento feito nos recursos humanos, no alargamento dos serviços nas diversas áreas médicas e na prestação de cuidados aos nossos doentes que foi sempre uma prioridade da referida Administração;
a. h) Reunimos com a Direção da Segurança Social de Viseu para percebermos os apoios que o então governo socialista prestava às questões sociais e reunimos com o Diretor do ACES Dão Lafões 1.
a. i) Participámos sempre nas reuniões preparatórias para as reuniões da Assembleia Municipal e estivemos sempre presente nas reuniões da Assembleia Municipal, no espaço reservado ao público;
a. j) Porque os momentos de convívio também são importantes na vida de um partido político, promovemos: i) Convívio de verão em S. Pedro de France;
ii) 2º Jantar na Feira de S. Mateus;
iii) Nas duas Ceias de Natal Solidário que promovemos durante este mandato, fizemos a recolha de bens materiais e posteriormente a Concelhia de Viseu da Juventude Socialista fez a entrega dessa recolha em instituições do nosso concelho;
2iv. iv) Na 2ª Festa de Natal Solidário, pela primeira vez , esteve em Viseu o camarada António José Seguro, enquanto Secretário Geral do Partido Socialista;
k. k) Prestámos digna e merecida homenagem aos militantes com 25 anos, ou mais, de militância no PS.
l. l) Estreitámos os laços com a JS concelhia e promovemos uma ação de rua na distribuição de cravos nas comemorações do 25 de Abril.
m. Respeitando a autonomia de cada estrutura as diversas ações políticas foram articuladas com a JS.
a.
III. Motivação e dinamização dos militantes
a. a) Motivámos ativamente a participação de todos os militantes, mesmo os que se haviam afastado do PS durante anos anteriores por não se sentirem estimulados a participar. Voltámos a ter esses militantes ativos e a participar regularmente nas iniciativas do partido;
b. b) Aumentámos o número de militantes em mais de 50%. O número de militantes do PS cresceu de cerca de 900 para 1500, através de um esforço de filiação junto de simpatizantes do PS de vários setores da sociedade civil e junto dos membros das anteriores listas autárquicas do PS. Deste modo ganhámos mais massa crítica no PS e alargámos a capacidade de interação com os viseenses;
b. c) Interviemos sobre questões políticas da atualidade, em parceria com os autarcas municipais e de freguesia. Defendemos os interesses dos viseenses publicamente, garantindo a manutenção do capital de credibilidade que o PS havia alcançado no passado e afirmando o PS junto da sociedade;
IV- Posições públicas tomadas
0. 1) – Contra o Encerramento de Escolas;
0. 2) – Contra as portagens nas SCTUS;
0. 3) – Contra a extinção do INEM em Viseu;
0. 4) – Contra as Obras que se prolongaram por tempo excessivo no concelho (Obras de Santa Engrácia);
0. 5) – Contra as Obras faraónicas que não conduziram a qualquer tipo de desenvolvimento no concelho e manifestámos a nossa preocupação com as excessivas medidas de austeridade que estão a ser aplicadas por este governo, bem como a nossa preocupação com as obras que estavam previstas pela Parque Escolar e que, neste momento, estão suspensas;
6) Manifestámos a nossa preocupação pelo eventual desvio de 100 mil euros praticado por um funcionário da Câmara Municipal e, quando ouvimos o edil camarário admitir que poderia haver mais casos, aquando da abertura da sindicância, questionámos a eficácia do plano de prevenção de riscos de gestão pois o Município usava como “bandeira” ter sido dos primeiros municípios a implementar este plano;
7. 7) Contestámos a posição do Presidente da Assembleia Municipal que, aquando da visita do Ministro do Ensino Superior a Viseu no dia do Instituto Superior Politécnico, em vez de enfatizar a importância do Ensino Superior no nosso Concelho, afirmou que não o deveríamos ter recebido. Assim, lamentámos a mentalidade paroquial de alguém com responsabilidades políticas locais e nacionais;
7. 8) Manifestámos a nossa preocupação com a falta de médicos para 14 mil utentes do nosso concelho,

1. V. Os Debates e o Partido Aberto à Sociedade
- Criámos espaços de debate abertos à sociedade para enriquecer e fortalecer os argumentos do PS na sua afirmação como alternativa à atual governação local. Através dos 5 Fóruns Novos Desafios para Viseu (Ensino Superior, Saúde, Cultura, Comércio Tradicional e Orçamento Participativo) e de outras reuniões com grupos específicos da comunidade interagimos e criámos relações de proximidade que servem para formação e para melhorar o nosso argumentário político;
- Participámos ativamente em todos os momentos eleitorais dos últimos 2 anos. Desde a eleição da atual Comissão Política Concelhia, realizaram-se quatro eleições internas (Convenção Federativa Distrital de Viseu de 2010; XVII Congresso Nacional do PS; XVIII Congresso Nacional do PS; Eleição para o Departamento Federativo Mulheres Socialistas de Viseu) e duas eleições nacionais (Presidenciais de janeiro de 2011; Legislativas de junho de 2011). Deste modo afirmámos o PS de Viseu internamente.

Com o decorrer do nosso mandato surgiu a necessidade da criação de grupos temáticos e de reflexão para, de uma forma mais especifica, identificarmos os problemas do nosso concelho que nos levarão a encontrar argumentos, propostas e soluções a apresentar na próxima candidatura á Câmara Municipal de Viseu e também criámos os grupos de trabalho para as freguesias, que estão em desenvolvimento.
Foi um trabalho muito intenso e sistemático, que ainda não completou dois anos. Foi um trabalho solidário e de muita dedicação e empenho, mas consideramos que valeu e valerá a pena para afirmarmos e levarmos mais alto o PS em Viseu.
Viseu, Solar dos Peixotos, 24 de fevereiro de 2012
A Presidente da Comissão Política Concelhia do PS Viseu
Lúcia Fernanda Ferreira Araújo da Silva

Sem comentários:

Publicar um comentário